(foto: TV Liberal)
Want create site? With Free visual composer you can do it easy.

Peritos do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPC) atuaram nesta sexta-feira (14) na agência bancária que foi alvo de assaltantes no município de Jacundá, no sudeste do Pará. Nenhum suspeito de envolvimento foi preso até esta sexta-feira.

A agência do Banco do Brasil no município foi abordada por pelo menos 11 homens armados na madrugada de quinta-feira (13), segundo a Polícia Civil. O grupo explodiu dois cofres da agência, fez pelo menos 10 reféns e fugiu por por uma estrada vicinal rumo a Rondon do Pará.

Publicidade

Uma equipe da Divisão de Repressão e Combate ao Crime Organizado está na região e faz buscas pelos assaltantes com apoio de policiais civis de Tucuruí, além dos peritos que atuam no local do crime buscando informações que possam ajudar na investigação.

A direção do banco do brasil, não informou um prazo para a reabertura da agência de Jacundá.

O assalto

A polícia informou que dos 10 reféns do bando, seis eram policiais militares. Nas imagens do circuito de segurança de um posto de gasolina próximo ao banco é possível ver as viaturas da PM, onde estariam os reféns.

Depois do assalto, os criminosos abandonaram as vítimas amarradas em uma estrada na entrada da cidade, onde dois carros foram incendiados e usados para bloquear a rodovia. Antes da fuga, o grupo atirou nos pneus de duas viaturas da PM e cortou o sinal de telefone da cidade.

Essa é a segunda ação criminosa registrada em Jacundá em apenas seis meses. De acordo com a Polícia, no final de 2016 uma tentativa de assalto na mesma agência bancária assustou moradores da cidade. Na ação, houve troca de tiros e dois bandidos foram mortos no confronto.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

DEIXE UMA RESPOSTA